loading...

Peixe assustador é registrado em vídeo raro

loading...

Um robô submarino explorando os mares profundos capturou o primeiro vídeo do sempre assustador tamboril – uma criatura que parece tão ameaçadora às vezes quanto o nome da família que pertence: “melanocetidae”.

Pesquisadores do Bay Aquarium Research Institute Monterey (MBARI) estavam usando um veículo operado remotamente (ROV) para explorar a fossa oceânica de Monterey Canyon, um desfiladeiro íngreme do fundo do mar na Califórnia, que se estende por cerca de 153 quilômetros no Oceano Pacífico.

O submarino robótico se deparou com o tamboril em torno de 600 metros abaixo da superfície. Os pesquisadores utilizaram o ROV para tirar fotos e filmar o animal e, em seguida, capturaram a criatura para um estudo mais aprofundado em um tanque.

O tamboril possui uma longa tira de carne que sai de sua cabeça. Esta “vara de pescar” tem uma “lâmpada luminosa” que parece irresistível para uma presa menor nas águas profundas e escuras. Uma vez que a presa se aproxima demais, o tamboril a arrebata com os seus dentes afiados e longos.

Com apenas 9 cm de comprimento, o tamboril é uma das espécies de peixes mais raramente vistos. Cientistas marinhos acham que este é o primeiro vídeo capturado dessa espécie.

O vídeo mostra que o peixe tem um dente quebrado no lado esquerdo de sua mandíbula, e os cientistas não têm certeza se o dente vai voltar a crescer, uma vez que caiu.

Os olhos leitosos do tamboril são inúteis nas profundezas onde vive. Em vez disso, o peixe depende dos pequenos pontos brancos que cobrem seu corpo, que ele usa para detectar o movimento de outros peixes em torno dele.

O tamboril macho é muito menor do que o tamboril do sexo feminino, e eles não se parecem tanto. Os minúsculos machos não tem uma “vara de pesca” e são quase incapazes de encontrar a sua própria comida. Uma vez que encontra uma fêmea, o macho indefeso se junta à ela. Seus corpos na verdade se fundem, e a pele e os principais órgãos do sexo masculino definham. Eventualmente, o peixe macho torna-se um acessório que pode fornecer esperma quando a fêmea está pronta para se reproduzir.

As filmagens raras e observações desses peixes ao vivo podem ajudar os cientistas a aprender mais sobre o comportamento dessa elusiva criatura do mar profundo.

Créditos: Mistérios do Mundo
loading...